Edital seleciona pesquisadores brasileiros e britânicos para pós-doutorado em intercâmbio

set 19 • Notícias • 248 Views • Comentários desativados em Edital seleciona pesquisadores brasileiros e britânicos para pós-doutorado em intercâmbio

O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e o Fundo Newton, órgão do Reino Unido para o fomento de pesquisa e inovação em países emergentes, lançam edital em parceria para fomentar a troca de experiências entre pesquisadores brasileiros e britânicos. A chamada pública estipula que as Fundações de Amparo à Pesquisa (FAPs) que aderirem ao acordo deverão apoiar pesquisadores britânicos no Brasil e que as academias britânicas (UK Academies) farão o mesmo com brasileiros naquela nação. Em 22 de outubro se encerram as inscrições, em inglês, para a seleção de pesquisadores nas modalidades de bolsa de pós-doutorado (fellowships) e mobilidade de pesquisa (research mobility).

Estão aptos a participar do certame pesquisadores jovens (que tiverem terminado o doutorado entre dois e sete anos atrás) e pesquisadores sêniors (mais de sete anos desde a conclusão do doutorado).

Serão oferecidas bolsas de pós-doutorado de até dois anos para pesquisadores brasileiros dispostos a desenvolverem estudos nas áreas de Ciência Natural, Engenharia, Ciências Sociais e Humanidades em instituições do Reino Unido. Também haverá uma modalidade que financiará gastos em mobilidade com o intuito de desenvolver novas colaborações com pesquisadores britânicos. Os candidatos brasileiros devem ter vínculo empregatício com uma instituição brasileira e um coproponente no Reino unido.

Já os pesquisadores britânicos poderão ter acesso a bolsas de pós-doutorado de seis a 36 meses no Brasil. As mesmas modalidades de bolsa oferecidas aos brasileiros serão ofertadas aos candidatos estrangeiros, que devem ter coproponentes no Brasil.

“Este edital é a segunda modalidade disponibilizada para a comunidade científica brasileira pelas FAPs. A primeira é decorrente do edital RC UK ainda aberto para receber propostas. Uma terceira oportunidade será oferecida em breve, para realização de workshops na modalidade Research Links do Conselho Britânico. Assim, CONFAP e seus parceiros britânicos colocam em andamento o acordo que estabelece a contrapartida das FAPs no valor equivalente a £3 milhões (de libras) por ano (cerca de R$ 11 milhões)”, diz Sergio Gargioni, presidente do CONFAP e da FAPESC (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina).

Pelo lado do Reino Unido, participam a Sociedade Real (Royal Society), a Academia Britânica (British Academy), a Academia de Ciências Médicas (Academy of Medical Sciences) e a Academia Real de Engenharia (Royal Academy of Engeneering). No Brasil, FAPs de 20 estados aderiram à empreitada. São elas: Fapac (Acre), Fapeap (Amapá), Fapeam (Amazonas), Fapesb (Bahia), Fapes (Espírito Santo), Fapeg (Goiás), Fapema (Maranhão), Fapemat (Mato Grosso), Fundect (Mato Grosso do Sul), Fapemig (Minas Gerais), Fapespa (Pará), Fundação Araucária (Paraná), Facepe (Pernambuco), Faperj (Rio de Janeiro), Fapern (Rio Grande do Norte), Fapergs (Rio Grande do Sul), Fapero (Rondônia), Fapesc (Santa Catarina), Fapesp (São Paulo) e Fapitec (Sergipe).

Para mais informações, acesse a íntegra do edital aqui.

Fonte: Agência Gestão CT&I e CONFAP

Post Relacionados

Os comentrios esto fechados.

« »